Share on Google+

No Intenso Agora


Sinopse Documentário político que justapõe, através de imagens de arquivo, uma série de acontecimentos diferentes da década de 1960 como a revolta estudantil em Paris, a Primavera de Praga em meio a dominação da União Soviética e a China de 1966 sob o regime de Mao, experienciado pela mãe do diretor na época.

Share on Google+

Informações


Título no Brasil No Intenso Agora
Título Original No Intenso Agora
Ano Lançamento
Gênero Documentário
País de Origem Brasil
Duração127 minutos
Direção
Estreia no Brasil 09/11/2017
Estúdio/Distrib. Videofilmes
Idade Indicativa 12 anos

Elenco



Trailer



Comentários


19/11/2017 - Sérgio Sarmento (64 anos)

  Ótimo
Denunciar
Assisti NO CINEMA ontem pela manhã, na sessão especial do Clube do Professor, na mostra do Espaço Itaú de Cinemas. É! Um filme desta qualidade só poderia ser em um programa cultural desta magnitude e tamanho. Olha! Um grande documentário e seguramente o melhor deste ano da graça de 2017. O Cineasta (não errei não! O C é maiúsculo, mesmo) João Moreira Salles (n.1962) nos prova com esse filme que é o melhor diretor de documentários vivo neste pais. Pois o cara consegue por em prática, através de imagens caseiras, realizar um grande filme. Este filme é das imagens poderosas. Pois nada é filmado pelo diretor. Ele começa retratando nos anos 1960 a visita que sua mãe fez na China comunista e daí realizar um painel político social de todos os anos 60 do século passado. Começa nos apresentando o Maio de 1968 na França quando os estudantes, meio que aleatoriamente, combatem o governo do general Charles De Gaulle. Nos fala. Nos indica para o 1966 quando o governo de Mao Tsé-Tung realizou a Revolução Cultural. Nos mostra, com imagens inéditas, a invasão da Tchecoslováquia em agosto de 1968, na chamada Primavera de Praga, pelos tanques Russos. E, ainda, a resistência contra o golpe militar de 1964 no Brasil. Percebemos que são fatos importantes de uma época efervescente que o mundo passava. São passagens históricas que o povo resistiu como pode. Mesmo se não acontecendo, na prática, o que se esperava, que era a queda daquelas ditaduras. Serviu de maneira decisiva para que o povo contestasse todas as arbitrariedades cometidas pelas ditaduras de então. E com isso se estabeleceu aquilo que denomino de uma resistência. De uma rebeldia! Que é inato a todos os rebeldes que em ultima análise sempre fomos e seremos. O documentário do João Moreira Salles tem este mérito. O de trazer à discussão um período dos mais ricos da cultura humana. E com isso nas transformações que sofria a sociedade conhecida de então. E todo o trabalho de pesquisa começou com um material pessoal da família do diretor João. Ao final do seu trabalho o senhor João Salles dedica o documentário para Eduardo Coutinho. Muito justa! Pois Coutinho foi o maior brasileiro na arte de se fazer documentários cinematográficos de todos os tempos. O brasileiro, homenageado pelo diretor Salles, conseguiu ser grande porque "simplesmente" conseguiu humanizar seu trabalho. O filme No Intenso Agora (2017) deveria ser assistido por todos. Mas principalmente pelos jovens. E por último só gostaria de deixar um pedido ao diretor João Moreira Salles. Para que realize um documentário político e social que abrangeria desde o governo do "Zé" Sarney (1985/1990) até este do senhor vice-presidente Michel Temer (2016/2018).

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho, mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiter? Sim / Não     Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:

Últimos Visitados

No Intenso Agora (No Intenso Agora)

Copyright © 2017 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.